Skip to content

Carlos Castaneda – O Caminho Do Guerreiro 3 – Viagem A Ixtlan 3 – Ainda Não O toquei

11/01/2013

carlos-castaneda-viagem-a-ixtlan

Dom Juan ensina que a Morte é nossa melhor conselheira, e que seus avisos podem vir na forma de um calafrio. Castaneda vê a Morte e fica apavorado.

“[…] Afundei-me em minha sensação deprimida e não o vi debruçar-se sobre mim até que ele cochichou alguma coisa em meu ouvido. A princípio não entendi e ele repetiu. Disse-me para virar com naturalidade e olhar para uma pedra à minha esquerda. Disse que minha morte estava ali olhando para mim e que, se me virasse quando ele fizesse sinal, eu poderia vê-la. Fez-me sinal com os olhos. Eu me virei e pensei ver um rápido movimento por cima da pedra. Um calafrio me percorreu o corpo, os músculos de meu abdômen se contraíram voluntariamente e eu senti uma sacudidela, um espasmo. Depois de um momento, controlei-me e expliquei a sensação de ter visto a sombra fugaz como uma ilusão de ótica provocada por ter virado a cabeça tão abruptamente. –  A Morte é nossa eterna companheira – falou Dom Juan, com ar muito sério. – Está sempre à nossa esquerda, à distância de um braço. […] – Como é que alguém pode sentir-se tão importante quando sabe que a morte está no seu encalço? – perguntou ele. […] – O que se deve fazer quando se é impaciente – continuou ele – é virar-se para a esquerda e pedir conselhos à sua morte. Você perderá uma quantidade enorme de mesquinhez se sua morte lhe fizer um gesto, ou se a vir de relance, ou se, ao menos, tiver a sensação de que sua companheira está ali vigiando-o. […] A Morte é a única conselheira sábia que possuímos. Toda vez que sentir, como sente sempre, que está tudo errado, e você está prestes a ser aniquilado, vire-se para sua morte e pergunte se é verdade. Ela lhe dirá que você está errado; que nada importa realmente, além do toque dela. Sua morte lhe dirá: “Ainda não o toquei.”   Viagem A Ixtlan – cap.4

Castaneda precisa apagar sua história pessoal mas encontra muitas dificuldades. Virar-se para a esquerda e pedir conselhos à Morte pode parecer algo absurdo, mas o sentido destas frases serão esclarecidos em O Segundo Círculo do Poder – assim creio. Saber que neste mundo a Morte é a Caçadora e nós somos a caça pode mudar muita coisa na vida de uma pessoa. Ter plena consciência disso pode fazer com que não se desperdice mais o escasso tempo de vida que possuímos: é preciso canalizarmos nossas energias para iludirmos a Águia.

Abraços Progressivos!!!

Tupi

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: