Skip to content

A Day At The Races – Uma Façanha Do Queen

27/06/2013

Queen A Day At The Races

Após seu álbum branco, A Night At The Opera, o Queen lançou o álbum negro chamado A Day At The Races, seu quinto álbum de estúdio, em 1976. A Day At The Races ficou em primeiro lugar no Reino Unido, Japão e Países Baixos. Ganhou ouro e platina nos Estados Unidos, 5º lugar na Billboard e também foi classificado como excelente no Allmusic. Austrália, Canadá, Suíça, Polônia e Alemanha também demonstraram ótima receptividade para o álbum. A banda não mudou a formação, e participaram do álbum Freddie Mercury,Brian May,Roger Taylor,John Deacon e Mike Stone fazendo vocais na faixa Good Old-Fashioned Lover Boy.

Faixas:   1 Tie Your Mother Down – Brian May 2 You Take My Breath Away – Freddie Mercury 3 Long Away – Brian May 4 The Millionaire Waltz – Freddie Mercury 5 You and I – John Deacon 6 Somebody to Love – Freddie Mercury 7 White Man – Brian May 8 Good Old-Fashioned Lover Boy – Freddie Mercury 9 Drowse – Roger Taylor 10 Teo Torriatte – Brian May

Uma das coisas mais impressionantes em A Day At the Races é que ao ouví-lo, nos esquecemos completamente de A Night At The Opera: uma façanha do Queen. Tie Your Mother Down, Somebody To Love e White Man, especialmente White Man são verdadeiras porradas musicais. Você começa a ouvir e pensa Putz, como é que eles conseguiram lançar um disco assim depois de A Night At The Opera? O álbum é perfeito, equilibrado, leve, pesado… divertido!!! Veja a letra de Tie Your Mother Down:

Prenda A Mãe No Porão (Tie Your Mother Down)

Ponha seu vestido de noite, derrube as tranças/ E deixe o coração bater, baby/ Fiquei no ponto, estou firme/

Tem que ser essa noite/ Minha pequena colegial/

Sua mãe diz que você não deve/ Seu pai diz que você não vai/ E eu estou fervendo por dentro/ De maneira alguma eu vou perder esta chance/

Prenda sua mãe no porão/ Prenda sua mãe no porão/ Tranque seu pai pra fora de casa/ Eu não preciso dele metendo o nariz onde não é chamado/

Prenda sua mãe no porão/ Prenda sua mãe no porão/ Dê-me todo o seu amor esta noite/

“Você é um parasita sujo, saia já da minha casa”/ Isso é tudo que eu sempre ganho da sua família/ De fato, eu acho que nunca ouvi/ Uma única palavrinha civilizada deles/ Eu não dou a mínima/ Vou fazer tudo certinho/ Meu coração vai dar uma mãozinha/ Para dar um basta em tudo isso/ Disparando queixas/

Prenda sua mãe no porão/ Prenda sua mãe no porão/ Jogue seu irmãozinho na piscina/ Com um tijolo, é isso aí/

Prenda sua mãe no porão/ Prenda sua mãe no porão/ Ou então você não é mais minha amiga/

Sua mamãe e o seu papai/ Irão me atormentar até eu morrer/ Eu não consigo entender isso/ Porque eu sou um cara de paz e amor/

Prenda sua mãe no porão/ Prenda sua mãe no porão/ Tranque aquele grande grande grande grande grande grande/ Pai pra fora de casa/

Prenda sua mãe no porão/ Prenda sua mãe no porão/ Dê-me todo o seu amor esta noite/ Todo o seu amor esta noite/

The Millionaire Waltz corresponde à Bohemian Rhapsody, White Man a 39 e há uma ligação entre a primeira faixa e a última, Teo Torriatte (uma homenagem aos fãs japoneses) criando a idéia circular dos álbuns do Pink Floyd. O que mais o Queen poderia fazer depois disso?

Próximo post do Queen: https://paintboxtalks.wordpress.com/2013/06/30/news-of-the-world-o-auge-do-queen/

Abraços Progressivos!!!

Tupi

Anúncios

From → Queen

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: